Compartilhe:

Refis da crise: prazo para informar ao Fisco começa em setembro



16/09/2015


 

Já está aberto o prazo para aderir à terceira e à quarta etapas do Programa Especial de Parcelamento de Dívidas com a União (Refis da Crise) e obter desconto nas multas e nos juros mediante renegociação das dívidas.
A consolidação das dívidas será dividida em dois períodos, segundo o tipo de contribuinte. As empresas médias e grandes no período de 08 a 25 de setembro. Micro e pequenas empresas doSimples Nacional, junto com pessoas físicas, de 05 a 23 de outubro.

A consolidação serve para o contribuinte declarar os débitos que quer renegociar e definir o prazo e o valor das parcelas. É feita na Receita Federal, no caso de dívidas tributárias, ou na Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), quando já estiver inscrito na dívida ativa.

Fonte: Agência Brasil

 




DISPONIBILIZAÇÃO DO MÓDULO DOMICÍLIO TRIBUTÁRIO ELETRÔNICO (DT-e) em MG
IRPF – Alteração na tributação da pessoa física
Entenda como funciona a Aposentadoria
eSocial Doméstico: Informe de Rendimentos e dedução IRPF 2019
INSS: 15 dúvidas sobre BPC-LOAS


Mídia Marketing - 2012
Setor de Programação