Compartilhe:

Divulgada nova consolidação da legislação do IRPJ e da CSLL



17/03/2017


 

 

Foi publicada no Diário Oficial da União de hoje, 16/3, a Instrução Normativa 1.700 RFB/2017, que dispõe sobre a determinação e o pagamento do Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido das pessoas jurídicas tributadas com base no lucro real, presumido e arbitrado e disciplina o tratamento tributário do PIS/Pasep e da Cofins no que se refere às alterações introduzidas pela Lei 12.973/2014.


A Instrução Normativa 1.700 RFB/2017 também lista, através dos Anexos I e II, de forma não exaustiva, as adições e exclusões ao lucro líquido para fins determinação do IRPJ e da CSLL e, no Anexo III, relaciona os prazos de vida útil dos bens do ativo e as respectivas taxas de depreciação. Nos demais anexos constam exemplicações sobre:
- Anexo IV - Ganho na avaliação a valor justo não evidenciado por meio de subconta;
- Anexo V - Utilização de subcontas na adoção inicial, ajuste a valor presente e avaliação a valor justo;
- Anexo VI - Aquisição de participação societária em estágios;
- Anexo VII - Contratos de concessão de serviços públicos, diferimento da tributação do lucro;
- Anexo VIII - Utilização de subcontas na adoção inicial - diferença na depreciação acumulada; e 
- Anexo IX - Adoção inicial - utilização de subcontas auxiliares.

Foram revogadas, dentre outras, as Instruções Normativas 390 SRF, de 30-1-2004 e 1.515 RFB, de 24-11-2014.


  FONTE COAD




ICMS/INTERESTADUAL A CONSUMIDOR: PERCENTUAIS MUDAM EM 2018
Trabalhador poderá dar entrada no seguro-desemprego pela internet.
RFB INSTITUI DME-DECLARAÇÃO DE OPERAÇÕES LIQUIDADAS COM MOEDA EM ESPÉCIE
Receita Federal modifica idade de dependentes para inclusão na DIRPF 2018
4 PRINCIPAIS MUDANÇAS NO SIMPLES NACIONAL PARA 2018


Mídia Marketing - 2012
Setor de Programação