Compartilhe:

ESOCIAL PASSA A SER OBRIGATÓRIO PARA MEI E MICRO E PEQUENAS EMPRESAS A PARTIR DE NOVEMBRO



12/07/2018


Os contribuintes precisam ficar atentos porque apenas os MEI com empregados precisarão entrar no eSocial. Esse grupo soma cerca de 155 mil empreendedores. Apesar do prazo obrigatório para o MEI e para os micro e pequenos empresários ter início apenas em novembro, o sistema estará disponível para adesão imediata a partir da próxima segunda-feira (16).

De 16 de julho até 31 de agosto, todos os empregadores inscritos deverão enviar ao eSocial apenas informações de cadastro e tabelas das empresas. A partir de setembro, a plataforma deverá ser alimentada com informações sobre os trabalhadores, os vínculos deles com as empresas e situações como admissões, afastamentos e demissões.

De novembro até o fim de 2018, passa a ser obrigatório preencher a plataforma com dados sobre remuneração, além de fazer o fechamento das folhas de pagamento. A partir de janeiro do ano que vem, o eSocial vai substituir a Guia de Informações à Previdência Social (GFIP).

Pessoa física

Essa medida também vale para os empregadores pessoas físicas, contribuintes individuais, a exemplo de produtores rurais e dos segurados especiais. Para esse grupo, o eSocial passa a ser obrigatório a partir de janeiro de 2019.

Fonte: Governo do Brasil.




Qual é a importância da ISO 9001 para escritórios e contabilidade?
DREI - Padronização nacional na formulação de exigências no registro na Junta Comercial
Existe MEI para advogados? Descubra se eles podem usar esta opção para reduzir a carga tributária
ICMS - SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA
ESCRITURAÇÃO CONTABIL - DISPENSA


Mídia Marketing - 2012
Setor de Programação